Deputados aprovam em dois turnos PEC que amplia recesso do meio do ano para trinta dias

A Assembleia Legislativa da Paraba aprovou, por unanimidade, em sesso extraordinria nesta quarta-feira (29), a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que amplia de 15 para 30 dias o recesso do meio do ano, mais conhecido como recesso junino.

A proposta, de autoria do deputado Ricardo Barbosa (PSB), aconteceu em 1 e 2 turno e contou com 30 votos favorveis e apenas uma absteno, que foi do deputado Raniery Paulino, do PMDB.

A mudana comea a valer a partir do prximo recesso do meio do ano, em 2016.

Segundo Barbosa, a PEC apenas uma questo de coerncia, pois o que se via na prtica era o no cumprimento da reduo, que foi promovido a partir de uma PEC proposta pelo ex- deputado Pedro Medeiros.

Para Barbosa, o recesso sempre foi estendido por algum motivo e o perodo de 15 dias acabava sendo esticado.

O que eu fiz, de forma corajosa, foi restabelecer a ordem. Se tem algum nesta Casa que no teme a pecha de preguioso sou eu. Eu sou um dos deputados que mais trabalha nesta Casa. Sou um dos mais presentes e mais atuantes. Portanto, no tive medo de fazer este enfrentamento. O que eu estou tendo a coragem de dar transparncia a uma coisa que escamoteada neste Poder, disse. Ricardo Barbosa havia conseguido assinatura de todos os deputados, com exceo de Estela Bezerra e Raneiry Paulino, para aprovao da Proposta de Emenda Constituio que aumentou o recesso parlamentar do meio do ano.

O motivo da urgncia da votao uma viagem a ser realizada pelo deputado Ricardo Barbosa nos prximos dias.

Com PBAgora

Comentar


Romero Rodrigues confirma fraude em balancetes de Veneziano e complica ainda mais situao do Cabeludo

Imagem da Internet

Imagem da Internet

Os irmos Veneziano e Vital do Rego tentam, a todo custo, desqualificar o denunciante, Renan Trajano, e por tabela as denncias que pesam contra eles. Uma alternativa recorrente no meio jurdico, mas arriscada. Tanto que bastou a interferncia do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), no processo para colocar por terra a estratgia dos peemedebistas.

Em entrevista ao programa Correio da Manh, nesta quarta-feira, Romero confirmou que Veneziano fraudou extratos bancrios includos em prestaes de contas de sua gesto, enquanto prefeito de Campina Grande, encaminhadas ao Tribunal de Contas do Estado. Essa foi uma das denncias feitas pelo ex-tesoureiro da Prefeitura de Campina Grande na gesto do prprio Veneziano.

Segundo o atual prefeito, a fraude se deu “por diversas vezes” e foi detectada aps apurao rigorosa da denncia feita por Renan Trajano. Com base na constatao, Romero Rodrigues disse que determinou ao procurador-geral do municpio, Jos Mariz, que formalize representao junto ao Ministrio Pblico, Polcia Federal e ao Tribunal de Contas do Estado contra seu antecessor.

“Vrios balancetes foram montados de forma fraudulenta, com extratos que no correspondem em suas informaes numricas aos documentos originais dos bancos”, sustentou Rodrigues.

O cerco est se fechando.

A gesto do ex-prefeito Veneziano Vital do Rego fraudou extratos bancrios, por vrias vezes, ao remeter prestaes de contas ao Tribunal de Contas do Estado da Paraba. Aps rigorosa apurao dos fatos, a fraude foi confirmada. Em entrevista ao Programa Correio da Manh, na manh desta quinta-feira, 29, o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, confirmou o ilcito j denunciado pelo ex-tesoureiro e homem da confiana de Veneziano, Rennan Trajano.

Romero Rodrigues revelou que j teve uma reunio com o procurador geral do Municpio, Jos Fernandes Mariz, quando foi feita uma avaliao do quadro e determinou providncias no sentido de formalizar representao junto ao Ministrio Pblico, Polcia Federal e ao prprio TCE.

De acordo com Romero, vrios balancetes foram montados de forma fraudulenta, com extratos que no correspondiam em suas informaes numricas com os documentos originais dos bancos.

O prefeito revelou ainda que vrios cheques, tidos como pagos a empresas que supostamente prestaram servios, eram repassados a pessoas, deixando patente o desvio de recursos pblicos.

J o procurador Geral Jos Mariz lamenta a situao que tem criado bices atual administrao, revelou que 80% das obras tidas como realizadas na gesto anterior no tm prestao de contas. Segundo ele, alm de tentar reaver o dinheiro desviado da Prefeitura de Campina Grande, o Municpio entrou com representaes criminais, aes civis pblicas contra os acusados.

Mariz disse que, desde novembro do ano passado, vem fazendo levantamento das irregularidades e a denncia de Rennan Trajano se constitui num importante ingrediente investigao dos rgos fiscalizadores.

Crime de inteligncia difcil captar. Voc precisa de indcios, de denncias, demanda tempo. Mas estamos conseguindo levantar tudo e tomar as providncias que cada caso requer, procurando trazer de volta o dinheiro desviado da prefeitura e responsabilizar os culpados, assegurou Mariz.

Comentar


Luiz Couto anuncia sada da vida pblica; Deputado deve apoiar Pollyanna Dutra para Cmara Federal em 2018

Imagem da Internet

Imagem da Internet

No de hoje que o deputado Luiz Couto (PT) demonstra decepo com a vida pblica. Por diversas vezes o padre sinalizou com a possibilidade de abandonar a poltica, mas foi convencido por amigos e correligionrios a adiar essa deciso. No incio da semana, Couto repetiu o feito em Pombal, onde foi homenageado com ttulo de cidadania. O pronunciamento, desta vez, foi mais incisivo porque Couto antecipou at sua suposta sucessora: a prefeita Pollyanna Dutra, uma aliada de primeira hora que deve disputar a eleio de deputada federal em 2018.

Couto alega que j cumpriu sua misso na Cmara dos Deputados, onde exerce o quarto mandato. At ai, tudo bem. Se j esgotou suas atribuies como deputado federal, o padre pode pensar em disputar um mandato majoritrio. Bagagem tem de sobra. Alis, ningum discorda que o petista perdeu grande chance de ser senador da Repblica, seu sonho de consumo, em eleies passadas. Talvez essa perda tenha ampliado sua decepo com a poltica.

Ningum duvida tambm que Luiz Couto um dos nossos melhores e mais atuantes parlamentares. Na Paraba, tem cometido algumas falhas. Mas, em Braslia, seu trabalho reconhecido por todos, incluindo adversrios. A Paraba perderia um grande quadro com sua sada.

Se insistir na deciso, Couto deve voltar a atuar na rea dos direitos humanos, onde comeou sua carreira poltica. Mas, como disse o prprio deputado petista, “o futuro a Deus pertence”.

Comentar


Bruno Cunha Lima cobra investigao de irmos Vital: “Respeito eles, mas respeito mais ainda Campina Grande e a probidade administrativa”

Imagem da Internet

Imagem da Internet

Com a frase acima, o deputado Bruno Cunha Lima (PSDB) pediu que o Ministrio Pblico investigue as denncias contra o deputado federal Veneziano Vital do Rego e seu irmo, Vital do Rego Filho, ministro do TCU. Bruno tratou como “quase comprovadas” as denncias e citou o “desvio de R$ 4 milhes para as contas de campanha” dos peemedebistas. “Venho aqui na tribuna apelar s autoridades para que essas denncias sejam investigadas e julgadas”, afirmou Cunha Lima, em pronunciamento na manh desta quarta-feira, na Assembleia Legislativa.

As denncias foram feitas pelo ex-tesoureiro da Prefeitura de Campina Grande, Renan Trajano, e publicadas pelo jornal Folha de So Paulo, com ampla repercusso na mdia paraibana. Ontem, o procurador-geral da Repblica, Rodrigo janot, pediu que o STF investigue as denncias contra Vital do Rego.

Comentar


“Leitura” de Luis Torres sobre sucesso muncipal indica que candidato do governador em Joo Pessoa ser Joo Azevedo

Imagem da Internet

Imagem da Internet

Ningum mais duvida que o PSB ter candidato a prefeito de Joo Pessoa em 2016. At o prefeito Luciano Cartaxo (PT), que vivia implorando pelo apoio sua reeleio, j declarou que est preparado para disputar em qualquer cenrio. Prova de que perdeu a esperana de ter os socialistas em seu palanque.

Mas, a “leitura” do secretrio Luis Torres sobre o processo sucessrio na Capital, na tarde desta tera-feira durante entrevista ao Sistema Arapuan de Comunicao, deixou claro no s que o PSB deve ter mesmo candidato a prefeito, mas que j tem at nome definido. Pelo menos no que depender do governador Ricardo Coutinho. O deputado Ricardo Barbosa j havia “cantado a pedra” sobre a prxima misso do secretrio da Infraestrutura, Joo Azevedo. Coube a Torres apenas reforar a informao.

Ao contrrio do presidente do PSB, Ronaldo Barbosa, Torres evitou ataques ao prefeito Luciano Cartaxo (PT), mas disse que a populao de Joo Pessoa que deve decidir se deseja ou no retomar o desenvolvimento de Joo Pessoa com uma gesto do PSB. “Como est Joo Pessoa? Ela (a cidade) precisa ou no de uma nova gesto que resgate o ritmo do PSB? Isso, a populao que vai responder no momento oportuno”, sustentou o titular da Secom.

Embora tenha citado a deputada Estela Bezerra e o secretrio de Esportes Tibrio Limeira como alternativas do PSB, Torres preferiu enaltecer a afinidade entre Joo Azevedo e o governador. “Ele (Azevedo) concretiza aquilo que pensado e desejado por Ricardo Coutinho”, justificou.

Precisa dizer mais?

Comentar


Deputado aponta aliados do prefeito de Alhandra como responsveis por incndio em emissora de rdio

Imagem da Internet

Imagem da Internet

A Polcia desvendou o incndio na Rdio Comunitria de Alhandra, Litoral Sul da Paraba, ocorrido na madrugada do dia 26 de fevereiro ltimo. O incndio que destruiu transmissor, microfones e a mesa de udio, foi criminoso. O deputado Brancos Mendes (PEN) que teve acesso ao inqurito policial, apontou o motorista e o irmo dele e o genro do prefeito Marcelo Rodrigues (PMDB) como autores do incndio.

De acordo com Branco Mendes, testemunhas confirmaram polcia que o genro do prefeito, Mrcio Ramos de Souza Pereira, o motorista, Jailson Correia de Mesquita (Dau) e o irmo dele, Jefferson Correia de Mesquita (Tom) atearam fogo nos equipamentos para calar a rdio das denncias contra o prefeito.

Branco informou que uma das testemunhas ouvidas, Joo Ferreira da Silva Filho confirmou a participao do trio no incndio criminoso. Ele teria dito que o prprio genro do prefeito, Mrcio estaria se vangloriando do ato pela cidade dizendo: “Agora eles iro se calar”.

O deputado espera que a Justia agora acelere a priso dos envolvidos, pois a sociedade cobra e sabe do envolvimento ativo dos “apadrinhados” do prefeito Marcelo Rodrigues.

Com Assessoria

Comentar


OPERAO PMDB CONFIRMADA: Trcolli Jnior ser secretrio de Esportes e Olenka assume vaga na Assembleia Legislativa

Imagem da Internet

Imagem da Internet

Como o blog antecipou, a chamada “Operao PMDB” foi confirmada nesta tera-feira pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). O deputado estadual Trcolli Jnior ser nomeado para a Secretaria estadual do esporte e Turismo, em lugar de Tibrio Limeira. A mudana tem como nico objetivo permitir que a suplente e ex-deputada Olenka Maranho assuma vaga na Assembleia Legislativa, outra medida adotada pelo governador para conter a suposta rebeldia do PMDB, que aprovou em conveno o lanamento de candidatura prpria a prefeito de Joo Pessoa.

Antes de confirmar o nome de Trcolli como futuro secretrio, abrindo vaga para Olenka Maranho, o governador esteve na residncia do senador Jos Maranho, presidente do PMDB na Paraba, com quem conversou sobre a deciso do partido de lanar candidato prprio a prefeito da Capital em 2016. Oficialmente, Ricardo encerrou a visita com a promessa de Maranho de prioridade na aliana com o PSB, mas somente num eventual segundo turno.

Com a efetivao de Olenka na Assembleia, mesmo que provisria, vamos aguardar agora a prxima declarao do presidente do PMDB que poder ser bem mais atrativa para o governador.

Comentar


CPI ser vital para Veneziano e seu irmo ministro provarem inocncia: Por que ento no apoiam a proposta?

Veneziano e Vital

O deputado federal e ex-prefeito Veneziano Vital do Rego e seu irmo, Vital Filho, ministro do Tribunal de Contas da Unio, deveriam apoiar publicamente a instalao de Comisso Parlamentar de Inqurito na Cmara Municipal para investigar denncias de desvio de recursos pblicos em obras executadas pela Prefeitura de Campina Grande na gesto do Cabeludo. O vereador Joo Dantas tem razo. Se existem denncias, elas devem ser investigadas.

Os irmos Vital tambm esto certos quando alegam que no existem provas concretas at agora. E se esto to certos da inocncia, melhor seria deixar investigar para comprovar a suposta irresponsabilidade do denunciante, o ex-tesoureiro da PMCG, Renan Farias, que garante ter entregue dinheiro ilegal aos dois peemedebistas.

Veneziano tem motivos de sobra para agir com transparncia. Ele responde a vrias aes judiciais, acusado do mesmo delito supostamente praticado na Prefeitura de Campina Grande: desvio de recursos e atos de improbidade administrativa. O irmo, Vital, tem razes maiores ainda por integrar um Tribunal que analisa as prestaes de contas de gestores pblicos, a exemplo do ex-prefeito campinense.

Ento, se os irmos precisam agir com transparncia e garantem que nada temem, por que ento se oporiam s investigaes? A resposta cabe to somente Veneziano e Vital, que sempre cobraram transparncia e lisura aos atos dos adversrios.

Com a palavra, os irmos Vital.

Comentar


Vereador tenta criar CPI para investigar denncias de desvio de recursos contra Veneziano Vital

Imagem da Internet

Imagem da Internet

O vereador Joo Dantas (PSD) apresentou requerimento na Cmara Municipal de Campina Grande (CMCG) solicitando a instalao de uma Comisso Parlamentar de Inqurito (CPI) na Casa para investigar as denncias de desvio de recursos na Prefeitura da cidade, na gesto do ex-prefeito Veneziano Vital do Rgo (PMDB), feitas pelo ex-tesoureiro da Prefeitura Rennan Trajano Farias Folha de So Paulo.

Farias disse que, em 2010, fez entregas de dinheiro em espcie ao ento candidato ao Senado Vital do Rgo (PMDB-PB), hoje ministro do TCU (Tribunal de Contas da Unio). O dinheiro foi desviado, segundo Farias, de um contrato de R$ 10,3 milhes entre a prefeitura e uma empreiteira que no executou os servios. Veneziano e Vital negam as acusaes.

Joo Dantas disse que as denncias de suposto caixa dois so graves e merecem ser investigadas profudamente. Ele tambm anunciou que amanh ir procurar a Justia Federal para solicitar proteo para a vida de Rennan.

Comentar


Joo Pessoa volta a enfrentar caos no trnsito; No Bessa, motoristas desistem de sair e voltam para casa irritados com congestionamentos

Imagem da Internet

Imagem da Internet

Uma vala abriu e causou caos na BR 230 nas proximidades do Forrock na manh desta tera-feira (28). As duas faixas foram interditadas no final da noite desta segunda-feira (27). As fortes chuvas fizeram com que o asfalto cedesse na descida da pista e uma cratera se abriu. Para evitar acidentes a Defesa Civil interditou o trecho e a Polcia Rodoviria Federal (PRF) montou um desvio pela Avenida Tancredo Neves, que logo ficou engarrafada.

O fluxo est sendo desviado pela PRF, na BR-230 sentido Cabedelo/Joo Pessoa, pela Avenida Tancredo Neves, onde os agentes da Semob orientam o fluxo na via, por baixo do viaduto que d acesso ao Reto de Manara.

O trecho na BR est interditado e a Semob sugere como rota alternativa as Avenidas Flvio Ribeiro Coutinho e Tancredo Neves e sentido centro Avenida Esperana, Edson Ramalho e Maria Rosa (Manara, seguindo pela Ruy Carneiro/ Epitcio Pessoa). A Defesa Civil e equipe da Seinfra esto no local.

De acordo com a assessoria da Polcia Rodoviria Federal a interdio na altura do Forrock ainda no tem horrio de liberao. Para quem vem de Cabedelo, aconselha-se que desvie por Intermares/Bessa. A PRF e Semob esto operando no local, desviando o fluxo do trnsito para as vias locais.

Em princpio, a concluso dos reparos se findaria ao meio-dia, mas h indcios de que os danos foram mais severos, abrangendo o canteiro central e at a pista contrria. Se isso for confirmado, ser necessrio um trabalho muito mais demorado.

Caos na orla martima

O trnsito literalmente parou, na manh desta tera-feira, nos bairros da orla martima. No Cabo Branco, como sempre, longos congestionamentos na Beira Rio em direo ao Centro. Mesma situao em Tamba, onde os motoristas andaram sempre em marcha lenta, devido ao fluxo de veculos. Problema maior enfrentaram motoristas do Bessa e Manara.

No Bessa, alm da BR 101 quase intransitvel, as outras duas vias de sada do bairro tiveram congestionamentos quilomtricos. Muitos motoristas voltaram para casa aps horas de tentativas de sarem do bairro. sempre assim. Em perodo de campanha eleitoral, muitas promessas para solucionar o problema. Aps a eleio, durante o inverno, aborrecimento e desculpas da Prefeitura de Joo Pessoa pela situao catica.

Com Paraba.com

Comentar