Cássio presta contas de ações em favor dos trabalhadores do campo no “Dia do Agricultor”

Imagem da Internet

28 de julho, Dia do Agricultor, o senador Cássio Cunha Lima, mais do que parabenizar o homem do campo, cujo trabalho é imprescindível para o país, presta contas de diversas ações que patrocinou em favor dos homens e mulheres que trabalham com a terra, demonstrando, na prática, o reconhecimento e importância que ele, ao longo de 30 anos de vida pública, deu à agricultura e aos agricultores.

“Há 29 anos, na Constituinte, plantamos a semente que garantiu a aposentadoria digna aos homens e mulheres do campo”, pontua Cássio, lembrando que foi dele, deputado constituinte, a iniciativa de aumentar para um salário mínimo (em vez do meio salário vigente até então) o valor da aposentadoria dos trabalhadores rurais.

Zona Rural – Cássio também elencou muitas outras conquistas durante os seus dois mandatos à frente do Governo da Paraíba:

·Implantação de escritórios da Emater nos 223 municípios do estado;

·Concurso público e contratação de 225 técnicos (27 anos sem concurso para o setor);

·Títulos fundiários para mais de 3000 mil famílias;

·Tarifa verde para mais de 5000 pequenos produtores;

·Algodão colorido da Paraíba: de 6 mil para 60 mil hectares;

·O resgate da importância econômica da cana-de-açúcar na região da mata;

·A Paraíba voltou a ser o maior produtor de abacaxi do Brasil

·Distribuição de sementes para pequenos agricultores.

Cooperar – O senador ressaltou a importância do Projeto Cooperar com o objetivo de levar uma visão diferenciada para a gestão na zona rural, saindo da ideia tradicional, baseada apenas no lucro, para implantar um modelo de gestão pautado, igualmente, nos conceitos de sustentabilidade social e ecológica quando foram beneficiadas diretamente 70 mil famílias em quase 3 mil comunidades rurais

Leite – Outro projeto que Cássio incrementou, à frente do governo, foi o Leite da Paraíba, que distribui leite às famílias carentes, priorizando crianças de 6 meses a 6 anos, gestantes e idosos: Resumo do Programa Leite da Paraíba: Municípios beneficiados: 223, ou seja, todos os municípios do estado; Produtores: 5.500; Associações de Criadores: 90: Usinas: 23; Distribuição ao dia (cabra e vaca): 120.000 litros diariamente

Detalhe: Segundo o IBGE, a Paraíba era, em 2008, o maior produtor nacional de leite de cabra.

Luz elétrica – Dentro do Projeto Luz para Todos, e da importância da eletrificação também para a agricultura, o governo de Cássio levou luz elétrica a um total de 41.142 propriedades entre os anos de 2004 e 2008.

Crédito – Outra preocupação do senador é o que ele considera “o modelo equivocado de desenvolvimento da zona rural nordestina”.

“O governo federal precisa entender que o crédito para os pequenos agricultores do Nordeste é quase tão importante quanto suas sementes” – defende Cássio que, em 2.012, conseguiu aprovar, no Senado Federal, a renegociação das dívidas dos agricultores com o Banco do Nordeste do Brasil (BNB).

Com Assessoria

Comentar

Ruy Carneiro aguarda conversa com Romero para “esclarecer” queixas e manda recado: “Não acredito que ele deixe o PSDB”

Imagem da Internet

O ex-deputado federal Ruy Carneiro, presidente do PSDB na Paraíba, optou pela “diplomacia” ao responder às críticas que vem sofrendo do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, que deseja ser candidato ao Governo do Estado em 2018. Ruy encarou com naturalidade as queixas do filiado e disse que tudo será esclarecido na primeira conversa que os dois tiverem. “Posso garantir tudo será resolvido. Vou conversar com Romero”, adiantou.

Sobre a ameaça do prefeito de abandonar o PSDB, caso continue sendo tratado de maneira inadequada, Ruy também foi taxativo: “Não acredito que Romero deixe o PSDB”. O dirigente não explicou a causa de tanta convicção, juma vez que o prefeito de Campina Grande tem recebido, inclusive, convites de alguns partidos para filiação.

Questionado se as queixas públicas do prefeito poderiam atrapalhar o projeto do PSDB e a unidade das oposições, Carneiro saiu pela tangente. “Não vai atrapalhar porque as coisas serão resolvidas na conversa que teremos”, insistiu.

Embora não tenha ainda data, pelo jeito essa conversa será decisiva.

Comentar

PSB reforça quadros com filiação de mais dois prefeitos durante Encontro Regional em Patos

Imagem (paraíbaja)

Os prefeitos de Passagem, Magno de Bá, e do Lastro, Dr. Athaide, se filiaram ao PSB neste sábado (29), durante encontro regional que o partido do governador Ricardo Coutinho realiza cidade de Patos. Os dois gestores de município do Sertão deixaram PMDB e PSDB, respectivamente, para ingressarem na legenda socialista.

O encontro em Patos conta com a participação de diversas lideranças do PSB paraibano, como o governador Ricardo Coutinho; o secretário estadual de Infraestrutura e Recursos Hídricos, João Azevêdo; e os deputados estaduais Gervásio Maia Filho (presidente da Assembleia Legislativa).

Lideranças de outras legendas também prestigiam o evento, como os deputados Antônio Mineral (PSDB) e Nabor Wanderley (PMDB), o ex-prefeito de Patos, Lenildo Morais (PT).

Encontros regionais
O primeiro encontro regional do PSB este ano aconteceu na cidade de Cajazeiras. No total, o partido pretende promover 12 eventos em diversas regiões do Estado, de acordo com o presidente da legenda na Paraíba, Edvaldo Rosas.

“É um momento de avaliação e de prestação de contas. Queremos mostrar aos companheiros o que a gestão do PSB tem feito por todo o Estado nesse período de gestão do governador Ricardo Coutinho. Só aqui em Patos temos temos companheiros que representam 15 municípios”, enfatizou Rosas.

Comentar

Gervasio Maia participa de inauguração de nova sede do Ministério Público Federal na Paraíba

O presidente da Assembleia Legislativa (ALPB), deputado estadual Gervásio Maia, participou, nesta quinta-feira (27), da inauguração da nova sede do Ministério Público Federal (MPF) em João Pessoa.

Para Gervásio Maia, a inauguração do prédio é uma conquista do povo paraibano. “A Paraíba ganhou um novo equipamento, moderno e bem preparado para receber as demandas da sociedade. Além dos amplos benefícios voltados para população, os servidores também terão melhorias em relação as condições de trabalho, que consequentemente vão refletir na boa execução dos serviços”, destacou Gervásio.

“Hoje inauguramos uma obra simples, mas bastante funcional e que vai melhorar a qualidade dos serviços prestados a sociedade paraibana. Além da estrutura física, o nosso material humano sempre estará voltado para garantir justiça, cidadania, combater o crime e a corrupção”, afirmou o procurador-chefe do MPF na Paraíba, Rodolfo Alves Silva.

O evento contou com a presença do Secretário Geral do MPF, Blal Dalloul, que representou o Procurador Geral da República, Rodrigo Janot. “Os serviços prestados pelo Ministério Público Federal em João Pessoa e na Paraíba são de fundamentais para garantir e fiscalizar os direitos da população. A sociedade merece uma obra como essa e por isso estamos felizes em poder participar dessa nova fase”, finalizou o secretário.

O governador Ricardo Coutinho e os parlamentares João Gonçalves e Estela Bezerra também prestigiaram a solenidade, além de representantes de diversos segmentos jurídicos e demais autoridades.⁠⁠⁠⁠

Com Assessoria

Comentar

Ricardo Coutinho e João Azevedo devem participar de Encontro Regional do PSB neste sábado

Imagem da Internet

A cidade de Patos irá sediar neste sábado (29), o Encontro Regional do PSB (Partido Socialista Brasileiro), no auditório da Universidade Federal de Campina Grande. O evento acontece a partir das 10h. Um dos convidados é o secretário estadual de Infra-estrutura, Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia, João Azevedo. Ele vai falar sobre obras e ações do governo estadual na região de Patos.

De acordo com o presidente do PSB, em João Pessoa, Ronaldo Barbosa, entre as presenças confirmadas para o evento estão a do governador Ricardo Coutinho. Também vão participar do evento o presidente da Executiva Estadual do partido, Edvaldo Rosas, os deputados estaduais Gervásio Maia, presidente da Assembleia Legislativa Estadual, Estelizabel Bezerra, Adriano Galdino e Ricardo Barbosa.

Prefeitos, vereadores, além de lideranças dos vários municípios sertanejos também estão sendo convidadas para participarem do evento que deve reunir uma grande quantidade de militantes.

Questionado se o governador anunciou o nome de João Azevedo como candidato escolhido para disputar sua sucessão no Palácio da Redenção ma última terça-feira, durante evento na cidade de Coxixola, Ronaldo Barbosa negou a informação. “Não houve nada disso”.

Apesar da negativa, Ronaldo Barbosa declarou: “aguardem o encontro regional do partido em Patos”.

Comentar

Tovar toma posse defendendo candidatura de Romero; E Eliza Virgínia, vai defender nome de Cartaxo?

Imagem da Internet

O deputado Tovar Correia Lima (PSDB) toma posse na Secretaria de Ciência e Tecnologia da Prefeitura de Campina Grande nesta sexta-feira, em solenidade comandada pelo prefeito Romero Rodrigues (PSDB), no Palácio do Bispo. Tovar mantém a defesa do nome de Romero para disputar o Governo do Estado nas eleições de 2018, representando os tucanos. Ele licenciou-se do mandato para permitir a posse da vereadora Eliza Virgínia, aliada do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), também pré-candidato à sucessão estadual.

Romero e Cartaxo lutam pela indicação para encabeçar a chapa das oposições. Mesmo assim, Romero deflagrou a operação que beneficiou também outro aliado do prefeito da Capital: o suplente de vereador Marmuth Cavalcanti (PSD), que deve assumir vaga na Câmara Municipal.

A posição de Tovar, em favor de Romero, já é conhecida. A de Marmuth, em defesa de Cartaxo, também. A Grande expectativa é em relação a Eliza Virgínia. Ela foi eleita vereadora e conquistou a primeira suplência
de deputado estadual pelo PSDB. Mas, o partido integra a bancada de sustentação de Cartaxo na Casa de Napoleão Laureano.

Elisa terá que escolher entre o aliado municipal e o estadual. Ela indicou nomes para cargos na Prefeitura de João Pessoa e deve ao prefeito de Campina Grande a “realização do grande sonho” de chegar à Assembleia Legislativa, ocupando espaço que já foi do pai, ex-deputado Nivaldo Manoel.

É uma decisão difícil. Mas, como boa tucana, é provável que Eliza fique “em cima do muro”.

Comentar

Gervasio Maia convida arcebispo da Paraíba para inauguração do Centro Administrativo do Poder Legislativo

O presidente da Assembleia Legislativa (ALPB), deputado Gervásio Maia, visitou, nesta quinta-feira (27), o arcebispo da Paraíba, Dom Delson. Na ocasião, Gervásio convidou Dom Delson para a inauguração do Centro Administrativo do Poder Legislativo, que deve acontecer na primeira semana de agosto.

No encontro, que contou ainda com a participação do padre Egídio de Carvalho, Gervásio falou acerca das melhorias realizadas na Casa Epitácio Pessoa, a exemplo da compra de um prédio que abrigará o estacionamento da Assembleia e do Paraíba Palace Hotel, onde funcionará o Centro Administrativo do Poder Legislativo. “Além disso, compartilhei com Dom Delson os desafios que temos à frente da Assembleia para aproximar a Casa cada vez mais do povo, para proporcionar condições cada vez mais dignas aos nossos servidores”, disse.

Um dos assuntos abordados durante a visita com Dom Delson foi a atual conjuntura vivida pela sociedade brasileira. “Espero que essa difícil situação por que passa a sociedade brasileira chegue ao fim o mais rápido possível”, ressaltou Dom Delson.

Com ALPB

Comentar

E CARTAXO? Cássio admite não disputar eleições de 2018 para ajudar na campanha de Romero

Imagem da Internet

A tão propalada unidade das oposições está cada dia mais capenga. Se no PMDB, o senador José Maranhão fala em candidatura própria, no PSDB a situação é de vaca desconhecer bezerro. O senador Cássio Cunha Lima, nesta quinta-feira, admitiu até mesmo deixar de disputar as eleições de 2018 para ajudar na campanha do primo, Romero Rodrigues, ao Governo do Estado. Romero enfrenta resistência dentro do próprio PSDB para consolidar seu nome. O presidente do diretório estadual, ex-deputado Ruy Carneiro, não esconde sua preferência pelo nome do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD).

Cássio voltou a garantir que Romero terá legenda para se candidatar ano que vem, caso seja seu desejo, independente da vontade de Ruy Carneiro. O presidente do PSDB tentou se defender alegando que tem convidado Romero para as viagens com Cartaxo, mas o prefeito campinense rejeitou os convites por falta de agenda.

Segundo o senador, no PSDB da Paraíba atualmente “é pena de tucano pra todo lado”. Cássio adiantou que vai conversar com Romero e Ruy para tentar resolver as divergências internas.

Comentar

Cássio Cunha Lima define situação atual do PSDB na Paraíba: “É pena de tucano pra todo lado”

Imagem da Internet

Que o PSDB paraibano está “rachado”, todos sabem. O que faltava era uma de suas lideranças assumir. E coube ao senador Cássio Cunha Lima, a maior delas, admitir publicamente a situação em que se encontra a legenda no Estado. “É pena de tucano para todo lado”, definiu Cunha Lima, em entrevista à Rádio Campina FM, confirmando a divisão partidária.

O problema maior é entre o prefeito de Campina Grade, Romero Rodrigues, primo do senador, e o ex-deputado Ruy Carneiro, presidente do diretório regional. Romero acusa Ruy de preterir seu nome, como pré-candidato do PSDB ao Governo do Estado, em benefício do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD). Apesar de não pertencer ao ninho tucano, Cartaxo vem recebendo apoio do dirigente do PSDB, em suas caravanas pelo interior do Estado, sob o pretexto de consolidar a unidade das oposições.

Cássio já teve que interferir em outras ocasiões para evitar o pior. Agora, pretende novamente conversar com Romero e Ruy para resolver o problema. De antemão, o senador já mandou recado ao ex-deputado e presidente do PSDB na Paraíba: “Romero é um dos precursores do PSDB na Paraíba. Antes mesmo de mim. O partido não lhe negará legenda (para ser candidato a governador)”, avisou.

Em outras palavras, Ruy terá que mudar de postura. Ser menos Cartaxo e mais Romero.

Comentar

Mais do que capacidade técnica, Azevedo terá que provar competência política para consolidar candidatura

Imagem da Internet

Ao revelar a deputados e prefeitos, durante evento no Cariri, que o secretário João Azevedo deverá ser seu candidato à sucessão estadual em 2018, o governador Ricardo Coutinho (PSB) não só movimentou o tabuleiro do xadrez político paraibano, mas também assanhou o coletivo girassol, mergulhado numa imensa apatia desde que o deputado Gervasio Maia desistiu de sua candidatura ao Palácio da Redenção.

O anúncio foi comemorado pelos presentes como um ponta-pé inicial de uma campanha eleitoral que só ocorrerá oficialmente no ano que vem. Mesmo assim, Ricardo mantém a cautela e alega que a confirmação final será feita na hora oportuna, uma maneira de proteger o aliado dos ataques dos adversários e se livrar das garras da Justiça Eleitoral. Pedir votos em inaugurações e fora do prazo de campanha pode ser considerado crime eleitoral.

Da parte do governador, talvez não haja mais dúvidas. Não é de hoje que Ricardo sonha em eleger João Azevedo para dar continuidade ao projeto do PSB. Tentou inicialmente elegê-lo à Prefeitura de João Pessoa, em 2016. Não deu certo. Agora, quer levá-lo ao Palácio da Redenção.

No aspecto técnico, ninguém duvida da competência de Azevedo. Desde a gestão de Ricardo na Capital, o homem projeta, acompanha e coordena as principais obras executadas pelo socialista. Talvez não haja, no cenário atual, nome mais indicado nesse quesito para gerir os destinos da Paraíba. Mas, numa disputa eleitoral, a capacidade técnica não é tudo. Pesa menos, bem menos, que a densidade eleitoral.

Azevedo terá que demonstrar também competência política, até junho do ano que vem, data das convenções partidárias, para se consolidar como candidato governista. Até lá, outros nomes certamente surgirão, seja no próprio PSB ou em partidos aliados. Sem contar com os que já existem como alternativas, a exemplo da vice-governadora Lígia Feliciano (PDT), do deputado Veneziano Vital e do senador José Maranhão, ambos do PMDB.

Na linguagem futebolística, diríamos que Ricardo tocou a bola para Azevedo. Resta saber se o secretário terá habilidade suficiente para se destacar ao ponto de levar o time à vitória.

Comentar