Hervázio Bezerra acusa PMJP de reter R$ 25 milhões do SUS devidos ao Estado

O líder Hervázio Bezerra (PSDB) acusou a Prefeitura de João Pessoa de reter algo em torno de R$ 25 milhões do Sistema Único de Saúde que deveria ser repassado ao Governo do Estado. Bezerra rebateu críticas da secretária municipal de Saúde, Roseana Meira, de que o Trauminha de Mangabeira estaria “sufocado” por receber pacientes rejeitados pelo Hospital de Emergência e Trauma, Senador Humberto Lucena.

“Não gosto de tratar desses assuntos publicamente, mas, se é para falar, vamos falar. Na verdade, faz um bom tempo que a Prefeitura de João Pessoa não repassa os recursos referentes a procedimentos efetuados nos hospitais públicos estaduais de João Pessoa”, afirmou Bezerra, durante entrevista a Nilvan Ferreira, na Rádio Arapuan FM, acrescentando que o débito já chega a R$ 25 milhões.

Segundo Hervázio Bezerra, os procedimentos efetuados nos hospitais públicos estaduais são encaminhados ao Ministério da Saúde, que libera os recursos para a Prefeitura de João Pessoa. Caberia à Secretaria Municipal de Saúde repassá-los ao Governo do Estado, mas isso, de acordo com o líder do governo, não vem ocorrendo. “O dinheiro está sendo retido e, ao invés de investirmos em outras coisas, somos obrigados a gastar com o custeio desses hospitais porque os recursos não chegam ao Estado”, sustentou.

Hervázio lamentou a postura da secretária de Saúde de João Pessoa, Roseana Meira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog não se responsabiliza pelo conteúdo exposto neste espaço. O material é de inteira responsabilidade do seu autor