JUDIVAN DESABAFA: “Foi Cartaxo que mandou sua bancada votar contra”

Imagem da Internet

O jornalista Judivan Gomes, da Rádio Tabajara, reagiu com indignação à decisão da Câmara Municipal de João Pessoa que lhe negou solidariedade por ter sido barrado em coletiva do prefeito Luciano Cartaxo (PSD). Segundo o jornalista, “foi Cartaxo que mandou sua bancada votar contra”.

A proposta foi apresentada pelo vereador Léo Bezerra (PSB) e rejeitada por onze votos a favor e sete contra, na manhã desta quarta-feira. Judivan disse que já esperava pela decisão dos vereadores. “Quem tem o poder, dita as normas. Não podia ser diferente”,sustentou.

O profissional de comunicação voltou a lamentar o episodio e disse esperar que colegas não passem pelo mesmo constrangimento. “Vou continuar trabalhando normalmente”, garantiu.

Apesar de Cartaxo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog não se responsabiliza pelo conteúdo exposto neste espaço. O material é de inteira responsabilidade do seu autor