Lídia Moura anuncia apoio do PMN ao pré-candidato João Azevedo e manda recado à vereadores

Imagem da Internet

A presidente do PMN na Paraíba, Lídia Moura, anunciou nesta sexta-feira o apoio do partido à pré-candidatura de João Azevedo ao Governo do Estado. O anúncio oficial só deve ocorrer na próxima segunda-feira, mas a dirigente antecipou a decisão durante entrevista ao programa radiofônico “Rádio Verdade”, do Sistema Arapuan de Comunicação. Lídia disse que o projeto socialista é o que mais se aproxima das ideias do PMN e lembrou que, quando era do PSB, trabalhou para que Ricardo Coutinho se filiasse à legenda.

Ainda revoltada com o que considerou uma “traição” do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), ao PMN, Lídia não poupou críticas ao gestor e a alguns auxiliares, incluindo Adalberto Fulgêncio (Saúde), Zenedh Bezerra (Articulação) e Diego Tavares (IPM). Segundo ela, a gestão atual transformou-se num verdadeiro “ringue” de disputa para a sucessão municipal de 2020.

“A disputa interna e grande, pelo poder e pela indicação do eventual do candidato que tentará substituir Cartaxo. Nunca vi alguém ser anunciado em inaugurações para falar em nome de todos os secretários. Nunca vi isso antes”, citou Lídia, referindo-se à Diego tavares.

A dirigente informou que o PMN não vai interferir nas decisões tomadas pelos vereadores Dinho e Thiago Lucena, que devem permanecer na base do prefeito. Mas, aproveitou para mandar um recado aos dois. “Eles têm que lembrar do tamanho de cada um e que, lá na frente, quando forem disputar as eleições novamente, quem vai acolhê-los, quem vai dar legenda é o PMN e não o prefeito Luciano Cartaxo”, sustentou.

Para o bom entendedor……

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog não se responsabiliza pelo conteúdo exposto neste espaço. O material é de inteira responsabilidade do seu autor