Romero pode surpreender escolhendo Pedro ou Ronaldinho como candidato

Imagem da Internet

Quem pensa que as opções do prefeito Romero Rodrigues se resumem a Tovar Correia Lima e Bruno Cunha Lima está redondamente enganado. Pedro Cunha Lima e Ronaldinho Cunha Lima “correm por fora”, mas à toda velocidade

Ronaldinho andou postando em suas redes sociais que sente saudade da disputa eleitoral em Campina Grande, justo quando o prefeito está prestes a definir seu candidato. É uma coincidência, no mínimo, estranha. Isso, se for mesmo coincidência.

Na outra ponta, desde que foi iniciada a discussão sobre a escolha do nome do grupo de Romero Rodrigues, Pedro Cunha Lima esteve sempre “presente”. E,agora, quando o processo se aproxima da conclusão, Pedro não só continua cotado, como coloca seu nome à disposição do prefeito.

“O PSDB sempre esteve muito próximo da administração de Romero. Então, meu nome está à disposição, dentro do partido, juntamente com o de Tovar”, afirmou o filho do ex-senador Cássio Cunha Lima, em recente entrevista a uma emissora de rádio.

Precisa dizer mais?

Comentar


Pré-candidato a prefeito de São Bento, Galego Souza está “a um passo” da bancada governista na Assembleia Legislativa

    Imagem da Internetrg

A composição entre o PP, da família Ribeiro, e o Cidadania, do governador João Azevedo avança substancialmente. Vereadores do PP não compareceram à reunião convocada pelo prefeito Luciano Cartaxo (PV) para pedir apoio à sua candidata, Edilma Freire.

Outra forte evidência foi a ausência do deputado Galego Souxa no encontro de escolha do novo líder da bancada de Oposição. Cabo Gilberto foi indicado para substituir Raniery Paulino, mas não contou com o voto de Galego, agora pré-candidato à prefeito de São Bento.

O deputado João Gonçalves (Podemos) já havia “cantado a pedra” quando garabtiu que mais um oposicionista estava de “malas prontas” para desembar na bancada governista.

Revelou a reza, mas não disse o nome do santo.

Nem precisa mais.

Comentar


VEJA VÍDEO: Empresário e advogado marcam “duelo à moda antiga” e agitam política sertaneja

Um empresário e um advogsdo agitaram a política no Sertão do Ceará, nesses últimos dias. A cidade de Iguatu por pouco não virou palco de um “duelo à moda antiga”, digno dos filmesde faroeste americano, para resolver divergências políticas.

Em conversa num grupo de whatsap, Murito Braga, o empresário que já foi candidato a vice-prefeito de Iguatú, propôs a Samuel Alves, o advigado, um duelo armado com revólveres calibre 38 para resolver as pendências.

Samuel disse que não usava armas e desafiou o adversário a uma disputa “no tapa”. Aí, foi a vez de Murilo “afrouxar”, alegando problema em uma das mãos, que o colocaria em desvsntagem.

Ao final, nenhum dos dois compareceu ao pátio da igreja central por volta de meia noite, como haviam tratado, e deixaram a cidade sem atração no final de semana.

Afinal de contas, “pino” foi feito para se bater.

Com Siqueira Júnior/programa Alerta Nacional/Rede TV

Comentar


Pastor Estevam Fernandes agradece a Ruy Carneiro por ajuda à entidades filantrópicas

Durante culto no Espaço Gospel em João Pessoa, o pastor Estevam Fernandes, presidente da instituição religiosa, fez questão de elogiar a atuação do deputado federal Ruy Carneiro em favor das entidades de
assistência social filantrópicas. “Ruy Carneiro é um amigo do povo de Deus e particularmente das obras sociais das igrejas evangélicas, e sua intervenção junto ao governo federal traz para a Paraíba muitos convênios e muitas verbas, beneficiando entidades filantrópicas evangélicas e não evangélicas”, disse o pastor na celebração transmitida ao vivo pelo canal Espaço Gospel, no YouTube..

O pastor agradeceu a Ruy, presente ao culto, pela dedicação e esforço para viabilizar os projetos da Casa Shalon que recebeu R$ 150,00 mil, que tem como finalidade acolher e proteger a criança e o adolescente, na faixa etária entre 07 à 17 anos de idade, em situação de risco, abandono, negligência ou maus tratos por parte da família. Graças ao trabalho de Ruy, 14 entidades dedicadas à assistência a crianças, idosos e mulheres em situação de risco receberam um apoio de mais de R$ 2,2 milhões para reforçar seus atendimentos, principalmente em João Pessoa, são elas:

Aldeia SOS, Aspan, Casa Da Divina Misericórdia, Casa Pequeno Davi, Casa ShaLom, Cicovi, Casa Da Criança Com Câncer, Donos do Amanhã, Fundação Padre Pio, Lar Divina Providência, Pestalozzi Paraíba, Vila Vicentina, Rede Feminina de Combate ao Câncer.

Imagem da Internet

“Ruy Carneiro, Deus te abençoe muito mesmo. Minha gratidão, em nome daquelas crianças da Casa Shalom e em nome de toda nossa igreja. O seu empenho foi fundamental para Casa Shalom respirar sonhos e não só ela, mas também outras entidades evangélicas e não evangélicas, não importa, são entidades sociais que carecem de ajuda e de suporte e é isso o que faz um parlamentar que honra o seu mandato”, elogiou.

Comentar


Cabo Gilberto vai comandar “fiéis escudeiros” da bancada de Oposição na Assembleia Legislativa

Se o deputado Raniery Paulino (MDB), considerado um dos mais atuantes oposicionistas, passou de e cuia” para o outro lado, não é fácil imaginar que o restante da “tropa” permanecerá onde está. Será esse o grande desafio do Cabo Gilberto (Sem Partido), novo líder da bancada de Oposição, a partir de agora.

Gilberto foi indicado líder por unanimidade, durante reunião da bancada. E em nenhum momento deu sinais de que iria recursar a missão. “Vamos à luta, continuar denunciando o que está errado nesse governo. É nossa obrigação como deputados eleitos pela Oposição”, afirmou Gilberto.

A bancada é pequena, mas a vontade de acertar é grande.

Comentar


Dr. Érico renuncia e “abre caminho” para candidatura de Nabor Wanderley com apoio de João Azevedo

Comentar


Ministério da Saúde registra 721 mortes e 20.730 infectados por covid-19 no Brasil nas últimas 24 horas

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) — O Brasil registrou 721 mortes de infectados por Covid-19 e 20.730 novos casos da doença nesta segunda-feira (10). O país acumula 101.857 óbitos e mais de 3 milhões de infectados na pandemia do novo coronavírus.

Os dados são fruto de colaboração inédita entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus. As informações são coletadas diretamente com as Secretarias de Saúde estaduais. O balanço é fechado diariamente às 20h.

Além dos dados diários do consórcio, a Folha também mostra a chamada média móvel. O recurso estatístico busca dar uma visão melhor da evolução da doença, pois atenua números isolados que fujam do padrão. A média móvel é calculada somando o resultado dos últimos sete dias, dividindo por sete.

De acordo com os dados coletados até as 20h, a média de mortes nos últimos sete dias é de 1.022, o que mantém uma posição de estabilidade nos dados, embora com números elevados.

O Brasil tem uma taxa de cerca de 48 mortos por 100 mil habitantes. Os Estados Unidos, que têm o maior número absoluto de mortos, e o Reino Unido, ambos à frente do Brasil na pandemia (ou seja, começaram a sofrer com o problema antes), têm 49.7 e 70,2 mortos para cada 100 mil habitantes, respectivamente.

O México, que ultrapassou o Reino Unido em número de mortos, tem 40,7 mortes para cada 100 mil habitantes.

Na Argentina, onde a pandemia desembarcou nove dias mais tarde que no Brasil e que seguiu uma quarentena muito mais rígida, o índice é de 10 mortes por 100 mil habitantes.

Segundo dados do Ministério da Saúde divulgados nesta segunda-feira (10), o Brasil registrou 22.048 casos de contaminação pelo novo coronavírus e 703 mortes em decorrência da Covid-19 nas últimas 24 horas.

Desde o início da pandemia, o total de óbitos é de 101.752 e o de infecções 3.057.470, de acordo com os dados do governo federal.

Entre os estados, São Paulo soma o maior número total de registros – são 627.126 casos da nova doença e 25.114 mortes. Em seguida na lista, aparecem Ceará, Bahia e Rio de Janeiro.

Os dados do Ministério da Saúde mostram ainda que 2.163.812 pessoas se curaram da nova doença.

Comentar


Em novo relatório, TCE pede explicações ao Governo do Estado sobre aplicação de recursos no combate à covid-19

Conselheiro Fernando (Imagem Reprodução da Internet)

O conselheiro Fernando Catão apresentou na sessão plenária por videoconferência desta quinta-feira (06), o novo relatório do Comitê Técnico do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB)  sobre o acompanhamento das ações do Governo do Estado no combate à pandemia causada pelo coronavírus. Já é o 17o desde a formalização do processo de Inspeção Especial de Acompanhamento da Gestão (processo no 7158/20).

A auditoria destaca, entre as informações descritas no relatório, o fato de o Governo Estadual ter aplicado apenas 2,3% do valor liberado pela União a título de auxílio financeiro para ações de saúde e assistência social. São R$ 2.215.140,71 empenhados até o momento, de um total de R$ 96.174.049,18 recebidos. A demanda de explicação para essa baixa aplicação de recursos é tema do Alerta nº 01541/20, publicado no Diário Oficial Eletrônico (DOE) do TCE-PB desta sexta-feira (07).

Outro item identificado no relatório que enseja esclarecimento da gestão estadual é a discrepância entre as informações disponibilizadas referentes a testes adquiridos. No dia 25 de julho, a Secretaria de Estado da Saúde divulgou um número de 1,6 milhões de testes adquiridos. Já no dia 01 de agosto, o número informado foi de 414 mil testes. Uma diferença de quase 1,2 milhões de testes para a qual o TCE-PB também solicita explanação por meio do Alerta 01541/20.

O 17o relatório, especificamente, também traz um comparativo entre receitas e despesas consolidadas das esferas orçamentárias Fiscais e da Seguridade Social do período janeiro a julho de 2020 em relação a iguais períodos dos anos de 2015 a 2019.

Informações sobre pessoal contratado – De acordo com a auditoria, o Estado informou nesta semana o total de R$  216.254.916,18 vinculados ao enfrentamento à Covid-19. E, pela primeira vez, conforme descreve o relatório, foi informado o quanto deste valor refere-se especificamente a gastos com pessoal e encargos sociais – R$ 13.256.530,36.

Agora o TCE-PB solicita, seguindo sugestão do relatório, que a Secretaria de Estado da Administração encaminhe informações contendo, nome, cpf, matrícula, tipo de vínculo, data de admissão, valor das vantagens, valor dos descontos obrigatórios, valor de provisões, cargo/função e local de atuação de todas as pessoas alocadas no combate à Covid-19.

De acordo com o conselheiro Fernando Catão, relator do processo, no intuito de prevenir fatos que comprometam resultados na gestão orçamentária, financeira e patrimonial, resolveu emitir alertas ao Governo do Estado, sob a responsabilidade dos secretários de Estado, Gilmar Martins de Carvalho Santiago (Secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão),  Letacio Tenorio Guedes Junior (Secretário Chefe da Controladoria Geral do Estado ) e Marialvo Laureano dos Santos Filho (Secretário de Estado da Receita ), para que adotem medidas de prevenção e correção. Os alertas notificando os gestores foram publicados no Diário Eletrônico Do TCE-PB, nesta sexta-feira (07) AQUI https://tce.pb.gov.br/diario-oficial-eletronico

Durante a sessão plenária por videoconferência desta quinta-feira (06), o conselheiro Fernando Catão fez um breve resumo do relatório e demonstrou a preocupação da Corte de Contas com o crescimento dos gastos com pessoal e encargos do Governo do Estado demonstrados no comparativo entre os números da execução orçamentária de 2015 a 2020.

O relatório descreve que esta categoria de despesa, entre 2015 e 2020, “cresceu, em termos nominais, quase 47%; e, entre 2019 e 2020, 13,33%”. O valor ultrapassou, no atual exercício, a soma da arrecadação de ICMS, FUNDEB e FPE, e chegou a R$ 4,568 bilhões. “Isso é um risco de desequilíbrio fiscal que precisa ser acompanhado bem de perto pelo Tribunal”, afirmou o conselheiro.

Por meio do endereço eletrônico do TCE-PB – em www.tce.pb.gov.br –  todos os cidadãos têm acesso aos documentos do processo 7158/20, incluindo os 17 relatórios e 08 alertas publicados até o momento. E por meio da TV TCE-PB, canal do Tribunal no Youtube, é possível assistir ao vivo sessões do Pleno, 1a e 2a Câmaras, além da gravação de sessões passadas.

AQUI SESSÃO NA ÍNTEGRA

 Com Ascom/TCE-PB

Comentar


Assembleia Legislativa elege novo vice-presidente nesta quarta-feira

Imagem Divulgação ALPB

A Assembleia Legislativa da Paraíba realiza, na próxima quarta-feira (12), uma Sessão Extraordinária para a Eleição do novo 1º vice-presidente da Casa. O Diário do Poder Legislativo trouxe nesta segunda-feira (10) a publicação do Edital que normatiza como se darão as inscrições e escolha do parlamentar que ocupará o cargo que ficou vago com a morte prematura do deputado Genival Matias, no dia 19 de julho, após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico, enquanto passeava de jet ski, em uma praia de Pernambuco.

A partir da publicação deste Edital, os deputados estaduais interessados em concorrer ao pleito já podem fazer sua inscrição, através de uma ficha disponibilizada. Eles devem preencher e encaminhar para o e-mail da Presidência da Assembleia, até às 17h da terça-feira (11). Encerrado o prazo de inscrição, o presidente Adriano Galdino, listará os candidatos e submeterá os nomes à escolha dos parlamentares, em Sessão Extraordinária específica para a eleição na quarta, prevista para acontecer às 9h30.

“A escolha será pelo sistema eletrônico de votação, através do voto secreto. Se houver mais de dois candidatos, será eleito o que obtiver maioria absoluta de votos, ou seja, 19 votos. Caso não ninguém seja eleito no primeiro escrutínio, os dois mais votados vão para uma segunda votação e vencerá o que obtiver maioria simples dos votos. O vendedor será empossado imediatamente”, explicou o secretário Legislativo, Guilherme Castro, ao acrescentar que a Sessão da Eleição será encerrada e o presidente da Assembleia abrirá uma nova Sessão Extraordinária para a apreciação e votação de matérias.

De acordo com o Regimento Interno da Assembleia Legislativa da Paraíba, em caso de vacância de cargo da Mesa Diretora por morte do ocupante, a escolha do substituto deverá acontecer até a quinta sessão. No caso, a eleição será realizada na terceira sessão, após a morte do deputado Genival Matias.

    

 

Comentar


VALE TUDO: Luciano Cartaxo tenta dar uma “rasteira” e Cícero Lucena reage com um “direto no fígado”

Imagem Reprodução/Último Segundo IG

O prefeito Luciano Cartaxo (PV) resolveu “sair do casulo” e assumir de vez o papel que seria de sua pré-candidata, Edilma Freire. Na manhã desta segunda-feira (10), Cartaxo provocou Cícero Lucena, pré-candidato do PP, ao afirmar que respeitava todas as candidaturas postas, incluindo as inelegíveis.

Achou pouco e aconselhou aos duvidosos uma consulta ao Tribunal de Contas da União (TCU) para comprovar a suposta inelegibilidade de Cícero.

Ao saber da declaração, o ex-senador disse que Cartaxo quer mesmo é fugir do debate sobre os gastos com a covd-19 em João Pessoa, a qualidade da merenda servida atualmente aos alunos da rede pública municipal e a crise na Saúde, onde faltam até medicamentos.

Cicero também não parou por aí. Lamentou que o atual prefeito se preocupe apenas com “uma candidatura familiar, indicada para servir de trampolim político”.

Na linguagem do Vale Tudo, esporte de luta corporal, poderia-se dizer que Cartaxo tentou dar “uma rasteira” e Cícero respondeu com um “direto no fígado”.

E olhe que foi apenas o primeiro round.

Comentar