Prefeito do PSDB defende união das oposições e alerta aliados: “Se não for governador, Maranhão decide eleições”

Imagem: Seligapb

Aliado histórico do ex-deputado federal Rômulo Gouveia (PSD), já falecido, e filiado ao PSDB, o prefeito de Areal, Adelson Banjamin, defendeu a união das forças de oposição e fez um prognóstico sobre o resultado das eleições de outubro na Paraíba. Segundo ele, se não for eleito governador, o senador José Maranhão, pré-candidato do MDB, vai decidir o pleito novamente. “Para o lado que pender, Maranhão decide”, avaliou, em entrevista ao portal de notícias seligapb.

Apesar de o PSDB integrar a aliança que apoia Lucélio Cartaxo, do PV, Adelson não decidiu ainda em quem votará para governador do Estado. Está indeciso entre Lucélio e Maranhão, embora respeite o pré-candidato do PSB, João Azevedo. O prefeito lembrou o currículo do pré-candidato do MDB, que já governou a Paraíba por três vezes e exerce pela segunda vez o mandato de senador da República.

“Aconteça o que acontecer, acho que Maranhão vai definir a eleição da Paraíba mais uma vez. Pelo trabalho que ele tem, acredito que o lado que ele for vai definir a eleição, tanto se ele se aliar ao governo ou a oposição vai definir a eleição”, sustentou o prefeito.

O recado foi dado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog não se responsabiliza pelo conteúdo exposto neste espaço. O material é de inteira responsabilidade do seu autor