PSB convoca reunião para decidir sobre expulsão do vereador Bira Pereira

Foi o próprio Bira quem anunciou. Hoje à noite, o PSB de João Pessoa se reúne para decidir sobre o processo de sua expulsão. Aliás, na linguagem do vereador: a Comissão de Ética deve se reunir para expulsá-lo do partido. Na verdade, essa expectativa é compactuada por todos os filiados, incluindo aqueles que defendem a permanência do parlamentar.

Bira foi escolhido como “boi de piranha” pelo grupo do governador Ricardo Coutinho para mostrar quem manda no PSB e o que acontece com quem não obedece aos mandatários. Está sendo punido por ter optado pela candidatura do prefeito Luciano Agra, derrotada em convenção partidária onde a maioria dos socialistas preferiu marchar com Estela Bezerra.

Embora tenha se prontificado a abraçar a campanha de Estela, Bira foi eleito “persona non grata” pelo PSB. O vereador garante que não lhe cabe a pecha de traidor e infiel, apontada pelo partido. Mas, teve que recorrer à Justiça para manter seu registro de candidato a reeleição. Provavelmente, terá que fazer o mesmo após a reunião da Comissão de Ética.

Independente da situação em que se encontra, Bira certamente é considerado um dos vereadores mais atuantes da atual legislatura. Por conta disso, é visto com amplas possibilidades de reeleição e até de estar entre os mais votados. Se for expulso, será uma grande perda para o PSB. Se não voltar à Câmara, será também uma grande perda para o parlamento.

Bira Pereira pode ser expulso do PSB por ter apoiado a candidatura de Agra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog não se responsabiliza pelo conteúdo exposto neste espaço. O material é de inteira responsabilidade do seu autor