Secretário de Cartaxo recorre ao preconceito para atacar pré-candidata do PSB: “Ela não anda pela cidade”

Imagem da Internet

Imagem da Internet

O secretário de Articulação Política Municipal, Zenedh Bezerra, “pisou na bola” mais uma vez ao utilizar frase preconceituosa para atacar a pré-candidata do PSB à prefeitura de João Pessoa, Cida Ramos. Bezerra, nesta sexta-feira, afirmou que a secretária estadual de Desenvolvimento Social desconhece a situação atual de João Pessoa porque “não anda pela cidade”.

A frase aspeada poderia até ser encarada com naturalidade, não fosse Cida Ramos uma pessoa “especial”. Zenedh, por pura maldade, fez questão de repetir a declaração várias vezes, durante entrevista à imprensa, para deixar claro seu objetivo preconceituoso. Coisa de quem está disposto a tudo para ajudar o chefe a vencer uma eleição.

Imagem da Internet

Imagem da Internet

Conheço Aparecida Ramos do meio acadêmico. Posso assegurar que é uma pessoa especial, não apenas no aspecto físico, mas principalmente no moral, porque nunca se deixou abater pelas dificuldades que a vida lhe impôs. Como estudante, empunhou várias bandeiras em defesa da categoria, chegando a presidente do DCE. Como professora, seguiu a mesma trilha em busca dos direitos dos docentes.

E, se foi chamada pelo governador Ricardo Coutinho para um cargo tão importante, com certeza foi porque é uma pessoal especial. Especial porque trabalha, retira o sustento seu e da família do próprio suor, diferente de outros que vivem da bajulação. Especial porque respeita a situação e o direito de cada cidadão.

Independente da disputa eleitoral, Cida Ramos tem sim identidade com João Pessoa. E conhece a cidade onde mora. Com certeza bem mais que Zenedh Bezerra, que só “descobriu” a Capital paraibana após ganhar um emprego do chefe, a quem tenta agradar de toda forma. Desconheço situação em que a professora Aparecida Ramos tenha corrompido seus ideais, abandonado suas lutas, em troca de emprego. Enquanto que outros…

Cida é sim especial e daí? Como ela própria disse: se pôde exercer cargos tão importantes até agora, por que não pode disputar uma eleição municipal?

Que prevaleça a vontade do eleitor e não o preconceito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog não se responsabiliza pelo conteúdo exposto neste espaço. O material é de inteira responsabilidade do seu autor