Cássio critica voto de relator: “Justiça tarda e falha”

Imagem da internet

O voto do relator da Aije do Empreender, desembargador José Ricardo Porto, rejeitando acusações e mantendo elegível o ex-governador Ricardo Coutinho, revoltou o ex-senador Cássio Cunha Lima, derrotado pelo socialista nas eleições ao Governo do Estado em 2014.

Cássio criticou a postura da justiça paraibana quanto à demora no julgamento da ação – cinco anos depois- e ao relatório que beneficia seu adversário.

“Na Paraíba, sobretudo para os apreciadores de vinho, a Justiça Eleitoral não apenas tarda como também falha. Uma vergonha o que aconteceu ontem. É nojento”, disparou Cumha Lima.

O julgamento deve prosseguir na próxima sessão do TRE com.o placar de 1×0 em favor de Ricardo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog não se responsabiliza pelo conteúdo exposto neste espaço. O material é de inteira responsabilidade do seu autor